Um pênalti não marcado sobre Junior, do Vitória, foi decisivo para que o Corinthians vencesse no Pacaembu, assim como o pênalti mal marcado para o Fluminense, em uma clara bola na mão, poderia ter permitido ao time carioca manter sua vantagem na liderança do campeonato.

Mas Rogério Ceni, inspirado, impediu a injustiça. Ele que já havia marcado um gol de falta, pegou o pênalti cobrado por Washington e garantiu ao menos o empate para o São Paulo, que continua perto da zona de rebaixamento.

Em Minas, Luxemburgo reabilitou Felipão e ficou perto de um recorde. Seu time já sofreu 11 derrotas neste turno. Parece que o projeto do professor não está dando certo. No Palmeiras, Kléber e Marcos Assunção fizeram a diferença.

O Grêmio se salvou da derrota contra o Atlético Paranaense, que abriu o marcador com Maikon Leite.

O Avaí também garantiu ao menos um pontinho contra o Atlético Goianiense, em Goiás.

O curioso é que os três jogos das 16 horas terminaram com o mesmo placar: 2 a 1. E os três das 18h30m foram empates.

O jogo que deixou meu amigo Godô mais feliz foi a vitória do Guarani, de virada, sobre o Flamengo.

Resultados de hoje

Corinthians 2, Vitória 1
Guarani 2, Flamengo 1
Atlético/MG 1, Palmeiras 2
Fluminense 2, São Paulo 2
Atlético/GO 2, Avaí 2
Atlético/PR 1, Grêmio 1

O que você achou desta rodada?