Texto de David Coimbra, editor-executivo do jornal Zero Hora, de Porto Alegre

O Inter mostrou coruscantes virtudes contra o Santos. Fez um enfrentamento digno contra um time superior. O Santos é o mais veloz, mais habilidoso, mais insinuante time do campeonato. Provou-o mais uma vez no jogo da Vila Belmiro.

A leveza de Neymar deslocou o centro gravitacional dos zagueiros do Inter, Índio, Bolívar, Guiñazu e Gleidson devem estar sofrendo da coluna, neste momento. Mas não vai aí nenhum demérito: não há zagueiro que não se desmoralize com Neymar.

O Santos é melhor do que o Inter. Mas o Inter poderia ter vencido, e isso é que importa.

O Santos é melhor do que todos os times do Brasil, é o melhor time da América. Mas, no futebol, como na vida, nem sempre o melhor é o campeão.