Zezinho, sozinho, dominando o Flamengo. The guy is a prodigy.

Alguns jornais britânicos, como o Daily Mail e o Manchester, estão noticiando que o Manchester City está perto de contratar o armador Zezinho, do Santos, por 8 milhões de libras (cerca de R$ 21,5 milhões). Com apenas 18 anos, o jogador de meio-campo revelado pelo Juventude também é pretendido pela Internazionale de Milão.

Como os gringos podem estar lendo o meu blog, eu direi que Zezinho tem tudo para se tornar um novo Pelé – é extremamente habilidoso, tranqüilo, um autêntico líder, prende bem a bola, passa e lança bem. Se acham Neymar habilidoso, é porque ainda não viram The Gold Zé.

Em dezembro de 2009, aos 17 anos, Zezinho quase foi contratado pelo Arsenal e isso o tornou conhecido pelos clubes e jornalistas ingleses. O The Sun chegou a definir o jovem meia como um “prodígio”. Em fevereiro deste ano, Zezinho foi parar no Santos.

Muitos torcedores do Manchester City que comentaram a notícia no Manchester Online, não gostaram de saber que o clube investiria em mais um jogador brasileiro. Para eles, Robinho, Elano e Jô tiveram passagens decepcionantes no clube e prejudicaram a imagem dos jogadores brasileiros por lá.

“”Zezinho, quem é Zezinho? Por favor, brasileiros não”, escreveu um leitor. “A palavra ‘brasileiro’ é suficiente para dizer não”, escreveu outro.

Acho que eles estão errados. Se conhecessem o Zezinho, veriam que nem Robinho, Elano e Jô juntos são capazes de reproduzir as belas e infalíveis jogadas do jovem meia santista. Vai com Deus Zezinho! Seja feliz, meu filho! E nunca reclame da sorte! Be happy and good lucky, Zé!

Você já viu jogador mais promissor do que o Zezinho? You ever seen a player more promising than Zezinho? (Diga que não)