Já escrevi que Paulo Henrique Ganso Ganso parece gastar toda sua inteligência no campo. Hoje ele justificou isso. O resultado da reunião que fez com o presidente do Santos foi o pior possível para sua carreira. Para o Santos, até que não foi ruim. Por alguns aspectos, foi até bom. Vejamos…

Como não quis aumento e insistiu na diminuição de sua multa, Ganso continuará recebendo R$ 130 mil mensais, só será negociado com um clube europeu se este pagar os 50 milhões de euros pelo seu passe e continuará com vínculo com o Santos até 2015.

Isso pode gerar dúvidas e inquietações no torcedor santista. Tentarei simulá-las e responde-las. Acompanhe o raciocínio e depois me diga o que achou.

E se o Ganso ficar no Santos, mas fizer corpo mole?
Perderá valor no mercado. Até porque dificilmente será convocado para a Seleção Brasileira.

Se começar a criar problemas com o técnico e os companheiros?
Irá para a reserva, será punido em seus vencimentos e dificilmente será convocado pelo técnico Mano Menezes para a Seleção Brasileira, perdendo a oportunidade de disputar a Copa de 2014.

Se jogar mal de propósito?
Irá para a reserva e não será convocado para a Seleção Brasileira.

Se der declarações contra o presidente e a diretoria?
Poderá ser multado ou suspenso pelo clube e ficará com fama de indisciplinado. Obviamente também não irá para a Seleção.

Se der declarações diminuindo o Santos e valorizando clubes adversários?
Além de punido pelo clube, terá sérios problemas com a torcida.

Se simular contusões para não jogar?
Assim como Ronaldo, que dava grande visibilidade ao Corinthians mesmo sem jogar, Ganso fará o mesmo pelo Santos, mesmo em tratamento médico. Mas, se exagerar nas simulações, poderá ser multado pelo clube, além de ficar com a péssima fama de “chinelinho”.

Se o Santos receber uma proposta quase igual à multa?
Se não for igual, o clube não será obrigado a aceitar.

Veja quantos prejuízos Ganso não teve por não aceitar o plano de carreira do Santos, rejeitar o aumento de 300% (que elevaria seu salário a cerca de R$ 400 mil mensais) e insistir para que a multa de seu passe fosse drasticamente reduzida.

Isso é o que dá entregar o gerenciamento da carreira nas mãos de especilistas em hortifruti, secos e molhados, enlatados, embutidos, legumes e frutas. O pessoal do Sonda pode entender de produtos de supermercado, mas de seres humanos ainda estão engatinhando.

Para resumir, conseguiram que o Ganso fique no Santos até 2015 por R$ 130 mil mensais. Um ótimo negócio para o clube e péssimo para o jogador.