Há uma possibilidade de o Santos empatar com o Cerro Porteño, na quinta-feira, e ainda ir para a rodada final de seu grupo com grandes chances de classificação para a próxima fase da Libertadores: é o Deportivo Táchira não perder o jogo que fará hoje, às 21h30n (horário de Brasília), contra o Colo Colo, em Santiago do Chile – com transmissão pelo Sportv 2.

Se der a lógica e o Colo Colo vencer o Táchira, só mesmo a vitória contra o Cerro manterá o Santos com chances de classificação. Porém, se o Táchira repetir o desempenho contra o Cerro, na única partida que fez fora de casa, e arrancar ao menos um empate hoje, permitirá que o Santos continue vivo mesmo com um empate na quinta-feira.

Isso acontecerá porque com um empate nos dois jogos do grupo, hoje e quarta, o Santos irá para a última rodada com seis pontos ganhos, contra sete do Colo Colo e nove do Cerro Portenõ (o Táchira ficará com três pontos e estará eliminado).

Assim, na última rodada, o Alvinegro Praiano poderá chegar a nove pontos e garantir a vaga com uma goleada sobre o Táchira. Como o Santos fará a última partida diante de sua torcida, contra um time fraco e sem chances de classificação, a goleada será um resultado provável.

É complicado depender, hoje, do limitado Táchira, para melhorar sua situação, mas é o preço que o Santos paga por ter sido o único que não venceu os venezuelanos na casa deles. Se tivesse vencido, poderia perder para o Cerro na quarta e ainda assim obteria a classificação vencendo o Táchira na última rodada.

Táchira, que ainda tem chance, gosta de jogar fora de casa

Tem veículo de imprensa, como o globoesporte.com, dizendo que o Táchira já está eliminado. Mas não é verdade. Como tem dois pontos ganhos, o time pode chegar a oito, caso vença Colo Colo e Santos, o que poderá lhe dar a vaga caso Santos e Colo Colo não vençam o Cerro Porteño.

O técnico do time venezuelano, Jorge Luis Pinto, tem a estranha teoria de que é melhor jogar fora de casa, onde seu time sente menos pressão. Na prática, os resultados de sua equipe têm confirmado isso. Em casa, além do empate sem gols com o Santos, perdeu para Colo Colo (4 a 2) e Cerro Porteño (2 a 0), enquanto na única partida que fez fora arrancou um empate inesperado contra o Cerro Porteño (1 a 1).

No Colo Colo, que ainda anda às voltas com o campeonato chileno, o técnico Américo Gallego não terá o zagueiro Andrés Scotti e o meio-campo Cristóbal Jorquera, expulsos contra o Santos. Além deles, outro jogador de defesa, Nelson Cabrera, recupera-se de uma contusão e talvez não possa jogar. Assim, a zaga pode ser formada por Agustín Alayes e Sebastián Toro, que não estão entrosados.

Outra boa notícia para os secadores do Colo Colo é que seu goleiro é o conhecido Juan Castillo, ex-Botafogo, famoso por deixar passar bolas fáceis. A má notícia, porém (para os santistas), é que, recuperados de lesões, retornam o artilheiro Esteban Paredes e o meia Rodrigo Millar.

Confira a situação do Grupo do Santos no site da Conmebol

Os times mais prováveis para o jogo de hoje são:

Colo Colo
Juan Castillo; Paulo Magalhaes, Agustín Alayes, Sebastián Toro, Patricio Jerez; Luis Mena, José Domingo Salcedo, José Pedro Fuenzalida, Rodrigo Millar, Esteban Paredes (Lucas Wilchez) e Ezequiel Miralles.

Deportivo Táchira
Manuel Sanhouse; Gerzon Chacón, Walter Moreno, Andrés Rouga, José Yegüez; Diego Guerrero, Pedro Fernández, Mauricio Parra, Edgar Pérez Greco; Julio Gutiérrez e Sergio Herrera.

O Santos de Falcão estréia no Paulista às 19h30m, na ESPN

Com destaque para Falcão, que acaba de atingir a marca de 302 gols com a camisa da Seleção Brasileira, o a equipe de futsal do Santos estréia às 19h30m no Campeonato Paulista enfrentando o São José em São José dos Campos.

O jogo será realizado no ginásio do Tênis Clube São José dos Campos e deverá atrair ótimo público, pois o Santos tem sido a sensação do futsal brasileiro nesta temporada.

O patrocínio do fustal santista é da Cortiana Plásticos, Centro Universitário Lusíada e Votorantim Cimentos, com apoio do Laboratório Cellula Mater e da Prefeitura de Santos.

E você, acha que é possível dar uma maravilhosa zebra em Santiago, ou o jeito é o santista nem esperar por este milagre?