É isso aí, garoto! Você provou que tem personalidade e não é um maria-vai-com-as-outras. Os brasileiros o recompensarão por ter preferido ficar.

Aqui você será mais rico, mais amado e mais feliz do que naquela Espanha decadente, que logo entrará em uma crise econômica profunda.

Final do ano tem Mundial da Fifa; em 2012 há o Centenário do Santos e em 2014 haverá a Copa do Mundo. O centro do futebol no mundo é aqui e agora.

Esqueça as pessoas que só querem ganhar dinheiro às suas custas. Não são amigos. São oportunistas. Você joga no time do Rei, é o grande ídolo do Brasil. Por que ir embora?

Lembra de Felipe Coutinho, que no juvenil rivalizava com você? E Robinho? Pato? Diego? Preferiam ir embora, e nunca serão tão amados pelo torcedor brasileiro como você.

Sua presença será muito importante não só para o Santos, mas para o futebol brasileiro, para o país, que novamente precisa sacudir o complexo de vira-latas.

Lá você seria só mais um. Quem sabe nem ao menos titular seria. Sabe-se lá o que teria de ouvir daqueles torcedores racistas. Aqui você é amado.

Aqui você é um exemplo de sucesso que pode inspirar os jovens, um exemplo de personalidade que pode fazer com que mais e mais craques resistam à tentação de ir embora e com isso voltem a fazer do futebol brasileiro efetivamente o melhor do mundo.

Em nome dos mais de 40 mil santistas que acessam este blog, nosso sincero agradecimento e nossa reverência pela sábia decisão.

Vida longa a Dom Neymar!