Melhores lances do jogo de maior Ibope do futebol brasileiro em 2015:

Como já esclareci em muitos textos anteriores deste blog, está provado que os jogos de futebol que dão mais audiência na tevê são os decisivos, as partidas finais dos campeonatos. Assim, nunca saberemos que time dará maior Ibope em uma competição a não ser depois que ela termine. E em 2015, quando já temos as definições de todas as competições disputadas no Brasil, é possível dizer que a maior atração do futebol na tevê foi o Santos.

Presente nas maiores audiências do Campeonato Paulista, do qual foi campeão, e da Copa do Brasil, em que jogará a final, o Santos ainda tem Ricardo Oliveira, o maior artilheiro do Brasil este ano; Lucas Lima, a maior expressão técnica do futebol nacional nesta temporada; é o único time do País com dois titulares na Seleção Brasileira e é sempre lembrado como a equipe formadora do astro Neymar, que este ano concorre novamente ao posto de melhor jogador do mundo.

Como já dissemos, há vários indícios da grande popularidade do Santos no Brasil, como a terceira posição na fidedigna e abrangente Timemania, a quinta posição nas pesquisas de torcida pelas redes sociais da Internet, o número de visualizações no seu canal no Youtube, que coloca a SantosTV como a quinta mais assistida no mundo… Enfim, evidências não faltam. Mas vamos falar, exclusivamente, do Ibope na TV.

No Campeonato Paulista, depois de muito tempo, a TV Globo transmitiu um jogo na tarde de domingo sem a presença do alvinegro de Itaquera, o seu time protegido. E o que ocorreu? Santos e Palmeiras, na Vila Belmiro, superaram a audiência de vários jogos da Copa Libertadores deste ano que tinham como protagonista o parceiro da Globo.

Clique aqui para saber que o clássico Santos e Palmeiras, na Vila, superou a audiência de vários jogos da Copa Libertadores deste ano.

A maior audiência do Campeonato Paulista veio da partida decisiva, na Vila Belmiro, em que o Santos venceu o Palmeiras no jogo e na disputa de pênaltis. A partida deu cerca de 23 pontos na Globo e 6,2 pontos na Band, somando cerca de 29 pontos no total. A história se repetiu na Copa do Brasil, que só passou a ter bons índices de audiência com os jogos do Santos.

Clique aqui para saber que o Santos começou a levantar a audiência da Copa do Brasil.

Santos x São Paulo deu mesmo Ibope de Galo x alvinegro de Itaquera

Perceba nas duas matérias a seguir que o jogo entre Santos e São Paulo, pela Copa do Brasil, atingiu os mesmos 29 pontos de audiência de Atlético Mineiro e alvinegro de Itaquera, este último o de maior Ibope no Campeonato Brasileiro, com o detalhe de que na TV Globo o jogo do Santos teve mais espectadores:

Esta matéria fala do jogo de maior audiência no Campeonato Brasileiro.

Esta fala do jogo Santos e São Paulo, pela Copa do Brasil, que deu a mesma audiência do jogo decisivo do Brasileiro: 29 pontos, com liderança na TV Globo.

Final da Copa do Brasil baterá todos os recordes do ano

Ninguém duvida de que os dois jogos entre Santos e Palmeiras, pela decisão da Copa do Brasil – marcados para as noites de quarta-feira 25 de novembro, na Vila Belmiro, e 2 de dezembro, no Allianz Parque – obterão a maior audiência do futebol brasileiro em 2015. Isso ocorrerá não só pela popularidade desses dois times, mas também pela qualidade esperada dos jogos e também pela importância dos confrontos, que decidirão o título da Copa do Brasil e uma vaga para a Copa Libertadores de 2016.

Diante desses números, é pertinente perguntar se é justo manter esse sistema de distribuição de cotas de tevê estabelecido pela Rede Globo, que destina a um clube como o rubro-negro carioca, que não conquistou nenhum título e não chegou sequer a nenhuma final este ano, um valor que é mais do que o dobro daquele que será destinado ao Santos e 60 milhões de reais a mais do que a verba de Palmeiras e São Paulo?

Obviamente, o sistema implantado pela Rede Globo joga a meritocracia no lixo e vai na contramão das fórmulas bem-sucedidas empregadas na Alemanha e na Inglaterra, países que mantém os campeonatos nacionais mais prósperos e competitivos.

A Globo é a emissora certa para o futebol brasileiro?

Várias enquetes já provaram que o torcedor brasileiro prefere que os jogos noturnos de futebol comecem às 21 horas, no máximo. Para quem precisa acordar cedo para trabalhar, ou estudar, esse horário das 22 horas é proibitivo. Pesquisas mostram que o público nos estádios era bem maior quando os jogos noturnos começavam mais cedo.

Esse horário também é ruim para os atletas. Segundo fisiologistas, os jogadores não deveriam ser expostos a tanto esforço físico e psicológico em horário tão tardio, o que prejudica seu rendimento e, principalmente, o seu descanso. Porém, indiferente às queixas, a Globo insiste em colocar os jogos às 22 horas, depois da sua tradicional novela.

Outro detalhe que coloca em xeque a posição da Globo como a tevê dominante do futebol brasileiro são as investigações de corrupção nas quais ela é acusada. Há fortes suspeitas de que a emissora deu propina a Ricardo Teixeira, presidente condenado por corrupção. Será ético manter a Globo no comando do nosso futebol enquanto as investigações não forem concluídas? Analise você mesmo:

Is the Globo the right TV channel for Brazilian football?

Several polls have proven that the Brazilian fans prefer the night football games begin at 21 hours at most. For those who need to get up early for work or study, this time of 22 hours is prohibitive. Polls show that the public in the stadium was bigger when night games began earlier.
  
This time is also bad for athletes. According to physiologists, players should not be exposed to both physical and psychological stress at such late hours, degrading its performance and especially your rest. However, indifferent to the complaints, the Globo insists on putting the games at 22 hours, after his traditional novel.

Another detail that calls into question the position of the Globo as the dominant TV Brazilian football are the corruption investigations in which she is accused. There are strong suspicions that the station gave bribes to Ricardo Teixeira, president convicted of corruption. Is it ethical to keep the Globo in charge of our football while investigations are not completed? Analyze yourself:

Jogo do Brasil e o assassinato do santista

Para não dizer que não falei do jogo desta noite, entre Argentina e Brasil, lembrarei que há um mês estava em Buenos Aires e pude perceber a importância que já davam a esta partida, para a qual vão se entregar de corpo e alma pela vitória. Não creio que o Brasil sairá de lá com a vitória e digo mesmo que, apesar de torcer muito para queimar minha língua, o resultado mais lógico é a vitória da Argentina.

Jogo do Brasil adiado para esta sexta-feira, às 22 horas
Devido à chuva intensa, que alagou o gramado do Estádio Monumental de Núñez, o jogo Argentina e Brasil foi transferido para esta sexta-feira, às 21 horas locais, 22 horas do Brasil. O interessante é que a Fox deu a notícia com cinco minutos de antecedência com relação ao Sportv, que mesmo com uma equipe numerosa em Buenos Aires, demorou para perceber que o jogo já tinha sido adiado.

Sobre a morte do santista agredido covardemente em um posto de gasolina da Zona Leste por um torcedor do Palmeiras, só alerto que não devemos generalizar. Palmeirenses não são piores nem melhores do que santistas. Esses que mataram não passam de animais assassinos e usam o futebol como desculpa para demonstrar seu ódio dos seres humanos.

Espero que não haja vingança, que os responsáveis sejam detidos e o futebol, aos poucos, possa voltar a ser apenas um esporte – importante, posto que é a expressão da alma brasileira, mas ainda assim apenas um esporte.

É muito triste ver um ser humano morrer assim. O futebol não pode continuar sendo desculpa para a sanha de animais.

E você, o que acha disso tudo?