Quando não precisava, ganhou. Por que não hoje?

FALTAM 07 DIAS! VOCÊ NÃO PODE PERDER!
Conheça os tempos em que o Santos ia pra cima e ganhava dentro ou fora do Alçapão
Pague 1, leve 2 exemplares do livro Time dos Sonhos, a Bíblia do Santista, com dedicatória exclusiva, e ainda ganhe o e-book do livro Donos da Terra. Receba em casa sem custo de correio. Tudo por apenas 68 reais. Mas só até 31 de julho. Aproveite antes que acabe!
Pelé dormindo com os livros Time dos Sonhos
A promoção continua até 31 de julho. Clique aqui para comprar o livro Time dos Sonhos, a Bíblia do Santista, e ganhar mais um exemplar de graça, além da versão eletrônica do livro Donos da Terra, frete pago e dedicatória exclusiva. Tudo isso só por R$ 68,00 e ainda dá pra parcelar. Clique já!

QUEREMOS 3 PONTOS HOJE!

O jogo deste domingo, às 18h30, diante do Vitória, no Barradão, é muito importante para o Santos. Passando por este adversário, terá uma sequência de cinco jogos favoráveis, dos quais três serão em casa e dois contra os vencíveis América Mineiro e Coritiba fora. Enfim, é um confronto estratégico, que o Santos precisa vencer para seguir pensando no título.

Ouvi de colegas deste blog que o veterano Renato teria dito que o empate estava bom. Procurei sua frase e encontrei esta, publicado no Terra: “ O campeonato se resume à regularidade. Se tivéssemos empatado mais alguns jogos no ano passado, poderíamos ter ido à Libertadores. Vamos no intuito de tentar vencer o Vitória. Eles não perdem há muitos jogos. Na reta final de primeiro turno as equipes querem somar pontos em casa, mas a gente vai procurar exercer nossa filosofia fora de casa.”

Essa frase está meio Frankstein. O repórter deve ter emendado dois depoimentos distintos. De qualquer forma, Renato quer dizer que o Santos vai com o intuito de vencer, mas o empate não será de todo ruim. Ótimo. Mas por que não colocar a vitória como meta quase obrigatória?

Há dois anos, quando não precisava, o Santos foi ao mesmo Barradão e diante de um Vitória desesperado, que jogava a vida ou a morte no campeonato, venceu por 1 a 0 e rebaixou o time baiano, ao mesmo tempo em que salvou o Palmeiras. Por que agora não pode repetir a façanha?

O Santos pode vencer, hoje, porque tem melhores jogadores do que o Vitória e porque tem, ou deve ter, um objetivo mais relevante, que é obter o título da competição. O Vitória lutará? Ora, o Santos também pode lutar. Se no futebol só luta resolvesse, os times seriam formados por competidores de muay thai.

O time baiano não costuma ser retranqueiro, uma das qualidades do técnico Vagner Mancini. É uma equipe que joga e permite jogar. Seus desfalques para hoje serão Guilherme Mattis e Fernando Miguel, machucados, e Marinho, suspenso. Os jogadores pendurados por cartões amarelos são Dagoberto Amaral, Euller, Victor Ramos e Tiago Real.

No Santos, Caju, Yuri e Copete substituirão os olímpicos Zeca, Thiago Maia e Gabriel. Será mais uma boa oportunidade de ver como os reservas se saem. Algo me diz que podem render bem mais do que mostraram na última partida, contra o Gama. Os jogadores santistas pendurados são Lucas Lima, Luiz Felipe e Vitor Bueno, além do reserva Paulinho.

Vitória x Santos
24/07/2016, 18h30, Barradão
Vitória: Caique, Diego Renan, Kanu, Victor Ramos e Euller; William Farias, Marcelo, Vander e Serginho; Dagoberto e Kieza. Técnico: Vagner Mancini.
Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Yuri, Renato e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.
Arbitragem: Rodolpho Toski Marques – PR (ASP-FIFA), auxiliado por Guilherme Dias Camilo – MG (FIFA) e Celso Luiz da Silva – MG (CBF-1).

E você, o que acha do Santos contra o Vitória?