A promoção compre um e ganhe dois exemplares do livro Time dos Sonhos, a Bíblia do Santista, se encerrou ontem à meia-noite. Só podem continuar participando os que já iniciaram o processo de compra antes da meia-noite. O blog agradece a todos que participaram. Nesta terça-feira, em homenagem à Olimpíada, lançaremos uma promoção com o livro “Sonhos mais que possíveis”, que traz 60 histórias de superação de atletas olímpicos.
Sonhos mais que possiveis - capa

VITÓRIA MADURA. AGORA FALTAM QUATRO!

O Santos precisou ser um time paciente e maduro para vencer o Cruzeiro por 2 a 0 na Vila Belmiro e prosseguir no encalço da liderança do Campeonato Brasileiro. Mesmo em penúltimo lugar na competição, o time de Minas tem bons jogadores, toca bem a bola e estava estreando o afamado técnico Mano Menezes. Entretanto, penetrando pelas laterais, o Santos fez os dois gols no segundo tempo e conseguiu importante vitória.

No primeiro gol, Caju recebeu de Copete e deu excelente assistência para o jovem artilheiro Vitor Bueno, que só tocou na saída do goleiro Fábio. No segundo, Jean Mota serviu Victor Ferraz, que cruzou. Pressionado, Lucas cabeceou contra sua própria meta. Jean Mota ainda perdeu chance incrível para marcar, após passe medido de Vitor Bueno.

Como muitos dês blog previram, Léo Cittadini estava escalado. Porém, sentiu uma indisposição no vestiário, o que obrigou o técnico Dorival Juniir a começar a partida com Yuri. O grande nome do meio campo, entretanto, foi Renato, que assumiu a liderança do setor e quase marca um golaço ao invadir a área adversário com dois chapéus seguidos.

A zaga do Santos foi bem. Gustavo Henrique e Luiz Felipe estão se entendendo. Na defesa, só Victor Ferraz se mostrou um tanto dispersivo. Do meio para a frente, gostei muito de Vitor Bueno, que amadurece a cada dia; de Copete, que se doa para a equipe, e também de Ricardo Oliveira, que está querendo jogo.

Enfim, vitória importante. Agora vamos esquecer que o próximo jogo, contra o Flamengo, poderia ser na Vila, e vamos começar a campanha para os santistas de Cuiabá e região irem à Arena do Pantanal apoiar o time na quarta-feira, às 21h45, contra o Flamengo. Será outro jogo decisivo. O adversário também está crescendo e tem o apoio do status quo, mas o Santos tem time para vencer.

Santos 2 x 0 Cruzeiro
Vila Belmiro, 31/07/2016, às 16 horas
17ª rodada do Campeonato Brasileiro
Renda: R$ 421.520,00. Público: 13.830 pessoas.
Santos: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju;Renato, Yuri (Rafeal Longuine) e Vecchio (Jean Mota); Copete (Joel), Vitor Bueno e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.
Fábio, Lucas, Manoel, Bruno Rodrigo e Edimar; Bruno Ramires, Ariel Cabral, Robinho e Arrascaeta (Ábila); Rafael Sobis (Rafinha) e Willian. Técnico: Mano Menezes.
Gols: Vitor Bueno aos 16 e Lucas, contra, aos 28 do segundo tempo.
Arbitragem: Wagner Reway (MT), auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT).
Arbitragem: Wagner Reway (MT), auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT). Boa arbitragem no geral.

E você, acha que o Santos está mais maduro?