Este ano as esperanças do Santos estão todas depositadas na Copa Libertadores da América. O jogo contra o Botafogo mostrou que o clube não tem elenco para duas competições. Se Levir Culpi ainda escalasse, sábado, um time misto, poderíamos esperar um rendimento melhor, mas uma equipe só de reservas jamais conseguiria um bom resultado contra o Botafogo, no Engenhão.

O máximo que podemos esperar do Santos no Brasileiro é uma classificação entre os quatro primeiros, o que lhe dará o direito de disputar a Libertadores no ano que vem, caso o título da competição sul-americana não venha em 2017. Nossas energias e nossa fé têm de se concentrar na busca do quarto título sul-americano.

Não gosto de ser injusto e nem generalizar. Sei que em um time muito desentrosado todos os jogadores parecem não merecer vestir a camisa do clube. Um dia, creio que em 1978, fiz uma crítica muito dura e generalizada ao Santos e fui corrigido pelo saudoso amigo Sergio Baklanos, são-paulino mas imparcial, que me alertou de que alguns jogadores, como o ponta-esquerda João Paulo, eram muito bons, mas estavam perdidos em meio à mediocridade do elenco.

Então, não escreverei que, com exceção de Vanderlei, todos os santistas que jogaram sábado deveriam mudar de profissão, ou de time. Porém, percebi, pelos comentários dos leitores deste blog, que alguns jogadores já deram. Ninguém aguenta mais Leandro Donizete, Léo Citadini, Vladimir Hernandez, Thiago Ribeiro e mesmo Kayke. É preciso fazer uma limpa para 2018.

É preciso haver um planejamento de elenco, que conte com um certo número de jogadores da base e outros garimpados pelo Brasil e América do Sul. Não é preciso gastar fortunas para reforçar a equipe, nem se valer de empresários amigos e negócios nebulosos. Mas é necessário método, planejamento e muito trabalho. Contratações como Cléber, Leandro Donizete, Vladimir Hernández e Nilmar, que não servem nem para reservas, não se justificam. Enfim, o Santos é um time de 11 camisas, e assim buscará mais um título da América.

É com o pé, é com a mão, aquele time é campeão

Não precisava, pois o empate já deixaria o time bem à frente, mas a força do hábito fez a arbitragem fechar os olhos para mais uma vantagem ilícita favorável ao mesmo clube que já foi campeão tantas vezes assim. Engraçado que o Santos teve dois pênaltis anulados pelo quarto árbitro, pelo repórter, pelo escambau, mas os times da espanholização volta e meia são ajudados pela arbitragem e ninguém vê os erros escandalosos.

Se Jô fosse mais inteligente e ético, confessaria que fez o gol com a mão. Está certo que a jogada praticamente jogou o título brasileiro no colo do protegido alvinegro de Itaquera, mas o título viria de qualquer jeito, pois os times mais próximos – Grêmio e Santos – estão mais interessados na Libertadores, a grande competição do continente. Esse gol de mão dará aos torcedores rivais o direito de dizer que este Brasileiro de 2017 será mais que vem se somar aos de 1977, 2005 e tantos outros, ganhos de maneira suspeita…

Obrigado!
Agradeço aos que me enviaram votos de feliz aniversário. Passei o dia com a família e não tive tempo para responder a todos. Retribuo com um forte abraço e o desejo de que recebam em dobro a felicidade que pediram para mim.

Votar, a maior responsabilidade do sócio do Santos

A eleição presidencial do Santos se aproxima, em princípio deverá ser realizada no dia 2 de dezembro, e é evidente que este será o momento de maior responsabilidade do sócio santista. Uma escolha errada e o nosso Santos prosseguirá patinando por mais três anos. Na verdade, pior do que não sair do lugar, é andar para trás, vendo suas dívidas aumentarem perigosamente, resultado de uma gestão personalista, sem transparência, que chegou a ter suas contas de 2015 rejeitadas pelo Conselho Fiscal e pelo Conselho Deliberativo do clube. Estão brincando com o nosso Santos e os resultados em campo, que torcemos para que sejam os melhores possíveis, não podem esconder uma gestão temerária, capaz de levar o clube à total inanição.

Não falarei de nomes ou de chapas. Só peço que você, sócio, se conscientize da importância de votar e não marque nenhum compromisso para o sagrado dia do pleito (há uma possibilidade, ainda, de que seja dia 9 de dezembro, no sábado seguinte. Isso será confirmado).

Se a vontade das urnas, em uma eleição limpa e honesta, apontar este ou aquele, que a democracia seja respeitada e os vencedores tenham toda a força e apoio para levar, com ética e competência, o nosso Santos ao lugar que ele merece. Porém, que o colégio eleitoral seja realmente representativo da enorme massa alvinegra, e não vejamos novamente um pequeno grupo de eleitores definir a sorte de um time imenso, que não pode mais ser dirigido como uma equipe de bairro.

O Santos B goleou a Portuguesa Santista, ficou com a quarta colocação no seu grupo e se classificou para a próxima fase da Copa Paulista.

Felizmente a Kickante entendeu a importância do livro “Santos FC, o maior espetáculo da Terra” e nos deu mais um mês de campanha de pré-financiamento para lançar esta que é uma das obras mais importantes da história do Santos e do futebol. Agora faltam 26 dias para o encerramento do prazo final. Se você ainda não participou, participe.

Da meta de R$ 48 mil, suficiente para cobrir os custos gráficos da impressão de dois mil exemplares, estamos na metade. Há muitas formas de recompensa para quem participar da campanha. Desde doar 10 reais, até comprar uma cota de patrocínio por 15 mil reais, que dá direito a 100 exemplares, 30 convites para a festa de lançamento, ter o logotipo da empresa impresso no livro e ser divulgado pela assessoria de imprensa.

O livro se baseia na ampla pesquisa de Marcelo Fernandes, um santista que mora em Luxemburgo, e em alguma pesquisa e texto meus. Só digo uma coisa e depois me cobrem: quem não participar, vai se arrepender. Esse livro ficará marcado na história do Santos e da literatura mundial do futebol.

Clique aqui para garantir o seu exemplar e ajudar no lançamento do livro único SANTOS FC, O MAIOR ESPETÁCULO DA TERRA.

No meu aniversário, quem ganha o presente é você

Setembro é mês do meu aniversário e resolvi comemorar com os frequentadores deste espaço promovendo uma oferta inédita das obras expostas na Livraria do Blog.

time-dossie ok

Para atender aos pedidos dos santistas das embaixadas e demais grupos de torcedores espalhados pelo País, criei preços especiais também para a compra de três, quatro e cinco exemplares, tanto do Dossiê de Unificação dos Títulos Brasileiros a partir de 1959, como do Time dos Sonhos.

Neste mês, três exemplares desses dois livros sairão por 75 reais, quatro por 85 e cinco por 95 reais. E todos os pedidos com frete grátis e dedicatórias exclusivas. Faça as contas e veja que não dá para perder. É a oportunidade de presentear os amigos ou já guardar para o Natal.

E caso alguém queira uma quantidade maior do que cinco exemplares, é só enviar e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br que estudaremos as melhores condições possíveis. O interesse, como sempre, é ver o santista e conhecendo a rica história do clube, elemento fundamental no fortalecimento da marca Santos.

Clique aqui para entrar na Livraria do Blog e conferir todas as ofertas

Todos os PDFs a R$ 1,00

O sistema da loja do blog não permite que se distribua livros sem nenhum pagamento. Então, coloquei o preço de todos os PDFs a apenas um real. Isso mesmo. Qualquer PDF, neste mês de setembro, custará apenas um real.
Comprar com cartão, de débito ou crédito, é totalmente confiável pelo sistema do PagSeguro, mas se quiser pode escolher por boleto ou mesmo fazer depósito bancário (nesse último caso, informe-se pelo e-mail blogdoodir@blogdoodir.com.br

Dentre os PFDs, há quatro livros que falam do Alvinegro Praiano

– Donos da Terra, a história do primeiro título mundial do Santos
Clique aqui para comprar Donos da Terra
– Na Raça!, a história do primeiro clube bicampeão mundial
Clique aqui para comprar Na Raça!
– Ser Santista, um orgulho que nem todos podem ter – Artigos selecionados que mostram várias aspectos da grandeza santista
Clique aqui para comprar Ser Santista
– Pedrinho escolheu um time – A aventura de um garoto paulistano que quer escolher um time para torcer.
Clique aqui para comprar Pedrinho escolheu um time

Há mais três histórias infanto-juvenis

– Pedrinho no Descobrimento do Brasil – Um buraco no tempo leva Pedrinho ao momento em que o Brasil está sendo descoberto pela esquadra de Cabral. Para crianças e adolescentes que gostam de História.
Clique aqui para comprar Pedrinho no Descobrimento do Brasil
– O Diário de Kimmy, uma garota inuit – O dia a dia de uma menina que vive no Alasca, entre as tradições de seu povo e os perigos dos tempos atuais.
Clique aqui para comprar O Diário de Kimmy
O Reino do Pum – A caso insólito do pobre e mal cheiroso reino onde viviam o pequeno Sidney e seu avó Felisberto.
Clique aqui para comprar O Reino do Pum

E uma ficção para adultos

– Morte.Net – Romance impróprio para menores, de Caio Morelli, que fala de pessoas que buscam a felicidade nos encontros fortuitos da Internet.
Clique aqui para comprar Morte.Net

Se tiver qualquer dificuldade para comprar os livros pelo Pagseguro, envie e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br que eu resolvo.

A grana está curta? Momentaneamente está desempregado? Mas gostaria de ler alguns livros em PDF expostos na livraria deste blog? Mande-me um e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br que neste setembro eu os envio de presente para você.