DIA DO GANSO

Hoje, dia da criança, queria abraçar um menino

Que já está ficando adulto,

Pois faz 21 anos.

Um garoto do Pará que chegou de mansinho

Para comandar o Santos

Que um dia foi de Pelé e Coutinho,

Depois de Diego e Robinho

E hoje é dele e de Neymar

Garoto que faz tudo bem-feito,

Do drible ao passe, do chute ao lançamento.

E tudo bonito, com arte, talento.

Mas seu forte, mesmo,

É brincar com o tempo

E o espaço.

Não dá? Ora, pra ele dá.

Ele é o Ganso!

E lá vai a bola…

De curva, efeito, calcanhar,

Buscando o caminho certo

Por linhas tortas… Ou óbvias.

No pé, na cabeça ou no peito do companheiro,

A caminho do gol.

Hoje, dia da criança, ele faz 21 anos.

Não é mais um menino,

Mas despertou o menino dentro de nós.

Pois faz parecer simples e fácil

O mundo complexo do futebol.

E que viva muitos, muitos anos.

E que jogue outros tantos e tantos.

Mas… é claro,

Sempre no nosso Santos.

E você, tem algum versinho ou uma palavra para o aniversariante do dia?