Blog do Odir Cunha

O ombudsman do Santos FC

Tag: Dorival Junior (page 1 of 38)

Por que Dorival caiu

Agradecimento: Tenho liberado novos leitores da moderação após confiar no seu bom senso. Estou feliz com o resultado. Um blog está sujeito às leis de imprensa, que permitem a crítica, porém sem injúria, calúnia ou difamação. Agradeço a todos por respeitarem esses preceitos. Estamos construindo um importante espaço democrático para analisar o Santos, o futebol e outros assuntos de forma amplamente participativa e democrática!

POR QUE DORIVAL CAIU


Um time sem dinheiro, fazendo todos os jogos fora de casa, ganhou a Copa Davis pela primeira vez. Assim foi a Argentina em 2016, um exemplo de coragem e coerência que o Santos deve adotar para voltar a ser campeão.

Estava assistindo ao Workshop Internacional de Tênis, no Clube Curitibano, em Curitiba, ministrado pelo Departamento de Capacitação da Confederação Brasileira de Tênis, quando soube que Dorival Junior tinha sido demitido. Coincidentemente, as palestras do espanhol Pancho Alvariño, que trabalhou com o russo Marat Safin, ex número um do mundo, e a do técnico argentino Ignacio Asenzo capitão de diversas equipes argentinas em campeonatos sul-americanos me explicaram, claramente, os dois motivos principais que levaram à demissão de Dorival.

Em uma de suas frases marcantes, Pancho disse que o técnico que pede coragem ao seu tenista também precisa ser corajoso. Sim, essa é uma verdade cristalina, olvidada no futebol. Antes de pedir destemor, ousadia, aos seus atletas, um técnico de futebol precisa demonstrar essas qualidades, ou suas palavras soarão falsas, automáticas.

Em suas duas passagens pelo Santos, Dorival Júnior ganhou três títulos: dois Paulistas e uma Copa do Brasil. Porém, com o perdão da expressão vulgar, sempre “com as calças na mão”. A insistência para se jogar na Vila Belmiro era outra materialização desse medo, desse temor inexplicável que crescia assustadoramente nos momentos mais importantes. Mesmo um Pacaembu lotado de santistas era considerado um ambiente hostil para o assustado Dorival Junior, que transmitia essa fobia para seus comandados.

Até a sagrada oportunidade da preleção, momento único em que o comandante inflama seus combatentes para a vitória, era negligenciado por Dorival, que a delegava a Ricardo Oliveira, um pastor evangélico que aproveitava o momento para discursos que buscavam fazer um link entre Deus e o futebol.

Assim, a primeira causa da demissão de Dorival Junior, sem qualquer dúvida, foi a Falta de Coragem. Talvez essa deficiência passasse batida em outros times, mas no Santos, que conseguiu uma posição de respeito no mundo do futebol com muita luta, derrotando os mais temíveis adversários no campo destes, esse defeito é fatal.

O outro motivo da queda do técnico me foi revelado na palestra de Ignacio Asenzo, que contou em detalhes magníficos a campanha que levou a Argentina ao título da Copa Davis em 2016, o primeiro do país depois de perder quatro finais.

É preciso que se saiba, antes de tudo, que a Associação Argentina de Tênis tem menos verba do que a Confederação Brasileira de Tênis. Na campanha da Copa Davis os jogadores não teriam qualquer luxo e precisariam se revezar nas tarefas mais simples, como arrumar as quadras para os treinos e limpá-las depois. Até o astro Juan Martin del Potro se dedicou a elas.

Outro detalhe é que para chegar ao título a equipe teve de vencer quatro confrontos consecutivos em quadras adversárias: Polônia, Itália, Reino Unido e, na decisão, derrotou a Croácia, em Zagreb, de virada, por 3 a 2. Nem é preciso dizer que jamais faltou coragem aos argentinos nessa caminhada, mas um outro detalhe foi essencial: a transparência do técnico Daniel Orsanic.

Antes de cada confronto, o veterano Orsanic conversou em particular com os jogadores, titulares e reservas, e lhes explicou as razões pelas quais seriam escalados ou não. Assim, a equipe se tornou unida e consciente de seus objetivos. Esse comportamento estava de acordo com a nova filosofia da Associação Argentina de Tênis, que depois de ver o esporte degringolar por falta de disciplina e de metas, criou um Programa de Valores baseado em cinco regras de ouro, das quais aquela que, sem dúvida, deveria ser adotada pelo técnico e os jogadores do Santos, diz: Ter planos em vez de desculpas.

Mas dar desculpas é uma demonstração de falta de coragem, da qual já falamos. O exemplo de Orsanic que deveria ser adotado por todo técnico de futebol é a coerência. Se o jogador sabe quais são os critérios do treinador, a rebeldia às suas ordens é menor. Mas Dorival lançava um jogador em uma partida e na outra nem o deixava no banco; insistia com alguns fora de posição e evitava escalar outros especialistas. Um dia reclamava no cansaço devido aos jogos seguidos, no outro alegava falta de ritmo após um longo descanso. Enfim, sua cabeça escondia razões indecifráveis.

Dessa forma, o segundo motivo da queda de Dorival Junior foi a sua Falta de Coerência. Esse defeito não irritou apenas os jogadores, mas também os torcedores, que já faziam piada de suas escalações e, principalmente, de suas substituições. Dorival demonstrou sérias dificuldades para usar o melhor do elenco que tinha nas mãos. Preferiu se apegar aos jogadores de mais ascendência no time, o que incentivava a formação da “panelinha”.

O que esperar de Levir Culpi


Copa do Brasil de 1996, primeiro título importante de Levir Culpi, ao vencer o Palmeiras, de virada, no Parque Antártica (comentei esse jogo pela Rádio Record, com a narração do lendário Fiori Gigliotti).

Dos técnicos possíveis, o experiente Levir Culpi, 64 anos, é o que está mais próximo de acertar com o Santos. Já recebeu até proposta e parece estar a caminho de Santos. Se este blog tivesse a ânsia de dar furos, eu poderia afirmar, com 95% de chances, que o ponderado curitibano será o novo técnico santista. Outra opção, mais arriscada, seria o mineiro Fernando Diniz, 43 anos, ainda sem passagens por times grandes, mas atrevido como um técnico santista deve ser.

Creio que Levir Culpi ficará com a vaga. Duas vezes campeão da Copa do Brasil, ele tem personalidade e, ou consegue montar um bom time, ou fica pouco tempo no clube. Será um bom teste ver como ele se dará com o estilo autoritário da presidência santista e com a confraria já formada entre os jogadores. Uma coisa é certa: Levir não engole sapos e fará o que sua experiência na profissão mandar.

Acredito, ainda, que Fernando Diniz seria uma boa aposta para as categorias de base do Santos. O rapaz tem potencial para se tornar um grande técnico e poderia ser preparado para substituir Levir, que geralmente só permanece uma temporada em cada clube e já está pensando na aposentadoria.

Para você, o que o Levir fará para o Santos jogar melhor?

CURSO DE REDAÇÃO NAS FÉRIAS DE JULHO

Para Vestibular, Enem e Concursos

Professor: jornalista e escritor Odir Cunha

Aulas teóricas e práticas

Curso 1
Terças e quintas das 19 às 21 horas
A partir de 3 de julho
Carga horária: 16 horas
Inscrições abertas
Vagas limitadas

Curso 2
Apenas às sextas feiras, das 19 às 21 horas
A partir de 7 de julho
Carga horária: oito horas
Inscrições abertas
Vagas limitadas

Local: Dept Cult!
Rua Alexandre Dumas, 613, Chácara Santo Antonio
Informações: blogdoodir@blogdoodir.com.br


Baixei os preços pensando em você e nos seus filhos! Nunca os livros do blog foram tão baratos. Compre-os e divulgue a rica história santista

Agora, tanto o Dossiê Unificação dos Títulos Brasileiros como o Time dos Sonhos custar apenas 39 reais o exemplar e 69 reais dois exemplares. Também dá para comprar um exemplar de cada um por 69 reais a dupla. Os PDFs também estão quase de graça. Aproveite para comprar os livros que você ainda não tem e também presentear os amigos.

time-dossie ok
1 Time dos Sonhos + 1 Dossiê + 3 PDFs + dedicatórias + frete pago = apenas 69 reais.

A história do Santos em PDFs a preços simbólicos
DonosdaTerraNa Raça!Ser SantistaPedrinho escolheu um time

Diante de constantes pedidos de livros já esgotados em papel, como Donos da Terra, Na Raça, Ser Santista e Pedrinho escolheu um time, o blog está oferecendo cópias em PDF dessas obras por preços simbólicos. O PDF é enviado pelo e-mail que o comprador designar no endereço para a entrega.

Clique aqui para maiores informações e para adquirir bem baratinho PDFs de livros históricos do Santos já esgotados em papel. Os preços vão de R$ 2,50 a R$ 6,50.

Que tal gastar só um pouquinho para conhecer um pouco mais a história do Santos e também divulgá-la entre os amigos santistas?


É preciso ser forte

Em 2012, mesmo com Neymar e Ganso, o Santos cansou de perder gols e no final perdeu o jogo. Veja os melhores momentos:

É preciso ser forte. E esperto

O ar rarefeito atrapalha a respiração, ou melhor, a reposição de oxigênio após o esforço, e isso realmente prejudica o rendimento dos atletas não adaptados à altitude. A falta de oxigênio não freia apenas as pernas, mas também os reflexos. Bolas cruzadas na área e chutes de longe se tornam um perigo maior do que normalmente são. Por isso, vencer um time boliviano, em La Paz pode se tornar uma tarefa exclusiva aos fortes. Terá o Santos essa qualidade essencial aos vencedores e campeões?

Sem David Braz e Zeca, machucados, e Thiago Maia, suspenso, Dorival Junior escalou Cleber, Copete e Leandro Donizete nos seus lugares. Torçamos e oremos. O Strongest vai mal no campeonato boliviano, mas está bem na Copa Libertadores, a ponto de assumir a liderança do grupo com uma vitória sobre o Santos. É o tipo de jogo que separa os homens dos meninos e os técnicos dos treineiros. O Sportv transmitirá, às 19h30.

Pesquisei o que os jornais bolivianos falam do jogo e estranhei o fato de Dorival Junior e Vitor Bueno terem admitido que o Alvinehro Praiano jogará no contra-ataque. Ou são muito espertos e querem despistar, ou muito ingênuos e já estão dando munição ao inimigo antes da batalha.

Times prováveis

The Strongest: Daniel Vaca, Diego Bejarano, Fernando Martelli, Marvin Bejarano e Agustín Jara; Raúl Castro, Diego Wayar, Wálter Veizaga e Alejandro Chumacero; Pablo Escobar e Matías Alonso. Técnico: César Faría.

Santos: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Cleber e Copete; Renato, Leandro Donisete e Lucas Lima; Vitor Bueno, Ricardo Oliveira e Bruno Henrique. Técnico: Dorival Junior.

A arbitragem será de Dario Herrera, auxiliado por Diego Bonfá e Ivan Nuñes, todos da Argentina.

Começou o Brasileiro, voltou a promoção do Dossiê

Convencido por insistentes pedidos, especialmente de palmeirenses e santistas, em homenagem ao início de mais um Campeonato Brasileiro estendo até o final de maio a promoção do Dossiê da Unificação dos títulos brasileiros. Um exemplar, com frete pago e dedicatória exclusiva, volta a custar apenas R$ 39,00.

dossie - livro
Um exemplar = 39 reais. Dois exemplares = 69 reais.

Clique aqui para comprar um exemplar do Dossiê por 39 reais ou dois exemplares por apenas 69 reais, com frete pago e dedicatória do autor. E veja outras promoções!.

time-dossie ok

1 Time dos Sonhos + 1 Dossiê + 3 PDFs + dedicatórias + frete pago = apenas 79 reais.

A história do Santos em PDFs a preços simbólicos

DonosdaTerraNa Raça!Ser SantistaPedrinho escolheu um time

Diante de constantes pedidos de livros já esgotados em papel, como Donos da Terra, Na Raça, Ser Santista e Pedrinho escolheu um time, o blog está oferecendo cópias em PDF dessas obras por apenas R$ 6,50 (quatro reais e cinquenta centavos) e apenas R$ 4,50 para o livro Pedrinho escolheu um time. O PDF é enviado pelo e-mail que o comprador designar no endereço para a entrega.

Clique aqui para maiores informações e para adquirir bem baratinho PDFs de livros históricos do Santos já esgotados em papel. Os preços vão de R$ 4,50 a R$ 6,50.

Agora, uma homenagem do músico Lucas Silva ao Santos e aos amigos do blog:


O que esperar de 2017?

Pelo décimo primeiro ano consecutivo o Santos perdeu na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Dessa vez o jogo era no Maracanã, campo neutro, com apenas nove mil torcedores e o adversário, mediano, estava há três partidas sem vencer. Três gols sofridos em um único jogo mostra bem o descontrole e as indecisões da improvisada defesa do Santos. Titulares, como Victor Ferraz, Vitor Bueno e Ricardo Oliveira estão devendo e Dorival Junior precisa ter coragem e visão para mexer no time. Bem, vamos aos vídeos e quero saber suas opiniões nos comentários.

Matéria da Fox sobre o jogo:

Análise de Gustavo Roman:

Valeu Meninas! Valeu Karen, que bomba!

Começou o Brasileiro, voltou a promoção do Dossiê

Convencido por insistentes pedidos, especialmente de palmeirenses e santistas, em homenagem ao início de mais um Campeonato Brasileiro estendo até o final de maio a promoção do Dossiê da Unificação dos títulos brasileiros. Um exemplar, com frete pago e dedicatória exclusiva, volta a custar apenas R$ 39,00.

dossie - livro
Um exemplar = 39 reais. Dois exemplares = 69 reais.

Clique aqui para comprar um exemplar do Dossiê por 39 reais ou dois exemplares por apenas 69 reais, com frete pago e dedicatória do autor. E veja outras promoções!.

time-dossie ok

1 Time dos Sonhos + 1 Dossiê + 3 PDFs + dedicatórias + frete pago = apenas 79 reais.


A gente consegue o que quer

Promoção Relâmpago 105 anos de Santos
Da meia-noite de hoje à meia-noite de amanhã, qualquer compra acima de 38 reais na Livraria do Blog dará direito a um exemplar do livro Time dos Sonhos. O Odir garante. Não perca!

Garfield descansando

Um atleta que queira muito ser campeão e trabalhe com afinco por isso, um dia atingirá sua meta. Um estudante que sonhe ser doutor, chegará lá caso estude muito e se dedique o suficiente para alcançar esse objetivo. Com raras exceções, qualquer um de nós conseguirá realizar seu sonho desde que esteja disposto a pagar o preço.

Não há sucesso sem querer e por isso devemos valorizar os vencedores sem inveja nem senões. Em 1985, Boris Becker, um alemão de 17 anos, venceu Wimbledon. Foi uma surpresa para todos, menos para ele. Pois ninguém conquista Wimbledon sem querer. No íntimo, ele sabia que poderia, e pôde. Isso vale para todos os campeões do esporte, das artes, da vida…

Entre o final dos anos 50 e início dos 60 o Santos tinha um time que queria jogar, precisava jogar, pois o salário era pequeno e o maior rendimento vinha dos “bichos”, o prêmio por vitória. Então, veja você, mesmo atuando em quatro países diferentes, o Santos fez cinco jogos em sete dias, entre 3 e 9 de junho de 1959.

Confira: dia 3 de junho venceu o Feyernoord, na Holanda, por 3 a 0; dia 5 perdeu da Internazionale, em Milão, Itália, por 3 a 2; dia 6 derrotou o Fortuna, de Dusseldorf, Alemanha, por 6 a 4; dia 7 empatou com o Nuremberg, em Nuremberg, Alemanha, por 3 a 3 e dia 9 derrotou o Servette, de Genebra, Suíça, por 4 a 1.

Bem, aquele era o Santos de Ouro, que não escolhia adversários e tinha jogadores que não reclamavam da dureza da profissão. Nestes cinco jogos citados, Pelé e Pepe participaram de todos. Pelé marcou cinco gols e Pepe, seis. Bem, mais isso era naquele tempo. E hoje, o que querem os jogadores e o técnico do Santos, qual é o objetivo que os move?

A se depreender das entrevistas que têm dado nos últimos meses, a grande meta desses jogadores e do técnico Dorival Junior tem sido o “descanso” – palavra mais usada nas entrevistas após os jogos e no intervalo entre um compromisso e outro. Pois bem. Como está dito no título e no lead deste post, as pessoas acabam conseguindo aquilo que querem muito.

Do jogo com a Ponte Preta, em Campinas, no dia 1º de abril, até a estreia no Campeonato Brasileiro, em 14 de maio, diante do Fluminense, no Rio de Janeiro, o Santos terá jogado apenas cinco partidas: ida e volta com a Ponte, ida e volta com o Santa Fé, pela Libertadores, e o jogo contra o Flu.

Portanto, em um período de 44 dias o Alvinegro Praiano terá o invejável intervalo médio de 8,8 dias entre um jogo e outro e jogará apenas três vezes em abril, podendo descansar à vontade. Enfim, mais uma prova de que os sonhos, por mais estranhos que sejam, acabam sendo realizados.

E você, o que acha disso?

Liquidação Total dos livros até 30 de abril!

Na comemoração dos 105 anos do Santos, reduzi ao máximo os preços dos livros oferecidos na Livraria deste Blog e ainda mantive o frete grátis e a dedicatória. Promoção vai até o dia 30.

Confira os novos preços e entre na livraria para comprar para você e para os amigos. Conhecer e divulgar a história é uma forma de manter o carisma, a cultura e a visibilidade do Santos.

Veja só como os livros ficaram baratos (e todos com frete grátis)

Dossiê Unificação dos títulos brasileiros
1 exemplar: 39 reais.
2 exemplares: 59 reais.

Time dos Sonhos
1 exemplar: 39 reais.
2 exemplares: 59 reais.

Sonhos mais que possíveis
1 exemplar: 14 reais.

Dinheiro, é possível ser feliz sem ele
1 exemplar: 23 reais.
2 exemplares: 35 reais.

A PROMOÇÃO VAI ATÉ 30 DE ABRIL OU ATÉ ACABAR O ESTOQUE

—— Para entrar na livraria e garantir os seus exemplares, tecle aqui ——

ou entre na sala Comprar Livros, anunciada no alto desta página.

ATENÇÃO — ATENÇÃO — ATENÇÃO — ATENÇÃO— ATENÇÃO

DO PRIMEIRO AO ÚLTIMO MINUTO DO DIA 14 DE ABRIL, SEXTA-FEIRA, ANIVERSÁRIO DE 105 ANOS DO SANTOS, TODAS AS COMPRAS ACIMA DE 38 REAIS NA LIVRARIA DO BLOG DARÁ DIREITO A UM EXEMPLAR DO LIVRO TIME DOS SONHOS, QUE CONTA A HISTÓRIA DO SANTOS ATÉ O TÍTULO BRASILEIRO DE 2002. MAS SÓ DURANTE O DIA 14. NÃO PERCA!
Clique aqui para entrar na Livraria do Blog

A história do Santos em PDFs a preços simbólicos

DonosdaTerraNa Raça!Ser SantistaPedrinho escolheu um time

Diante de constantes pedidos de livros já esgotados em papel, como Donos da Terra, Na Raça, Ser Santista e Pedrinho escolheu um time, o blog está oferecendo cópias em PDF dessas obras por apenas R$ 4,50 (quatro reais e cinquenta centavos) e apenas R$ 2,50 para o livro Pedrinho escolheu um time. O PDF é enviado pelo e-mail que o comprador designar no endereço para a entrega.

Clique aqui para comprar o PDF do livro “Donos da Terra” por apenas R$ 4,50

Movimento por um Santos Melhor – Encontro em São Paulo

Dia 18, a partir das 18 horas, encontro no Murymarelo Bar

Venha conhecer nossas ideias e também dar as suas para um futuro melhor para o Santos Futebol Clube

Entrada gratuita. Você só paga o que consumir.

murymarelo

Na compra de um exemplar de Time dos Sonhos ou do Dossiê – por apenas 30 reais – ganhe um chope claro ou escuro.

Na compra de uma dose do uísque Chivas, ganhe mais uma de graça.

Confirme sua presença pelo e-mail blogdoodir@blogdoodir.com.br

Clique aqui para entrar no site oficial do Murymarelo


É hoje!

É hoje! Venha falar de Jornalismo e do Santos no Shopping Higienpopolis.

Considere-se convidado
Convite - Lições de jornalismo

Coragem Professor!

Depois das atuações de Bruno Henrique e de Vladimir Hernández na vitória de 4 a 1 sobre o São Bernardo, fora de casa, o que o santista espera é que o ténico Dorival Junior tenha coragem de iniciar a próxima partida com os dois como titulares, provavelmente nos lugares de Vitor Bueno e Copete.

Bruno Henrique fez três gols e Hernández deu duas assistências, em uma vitória que mantém o Santos com chances de se classificar para a próxima fase do Campeonato Paulista.

Dorival Junior disse que poupou os titulares (para não dizer que poupou ele respondeu algo incompreensível, mas na realidade poupou mesmo) porque estes chegaram ao Brasil na sexta-feira à noite, sem dormir bem de quinta para a sexta. Bem, duas boas noites de sono – de sexta para sábado e de sábado para domingo – não são suficintres para descansar um atleta que só ia jogar domingo à noitinha em uma cidade próxima a Santos?

Mas por um lado foi ótimo colocar todos os novos contratados em campo. Deu para ver quem pode ser mais aproveitado no time principal. O que você achou de cada um? Quais deles podem ser titulares? Creio que, no momento, no mínimo Bruno Henrique e Vladimir Hernánfez poderiam entrar nos lugares de Copete e Vitor Bueno, concorda? E também seriam boas opções para os lugares de Ricardo Oliveira e Lucas Lima naqueles dias em que ambos estiverem no mundo da lua.

O que você acha disso?

Pelé dormindo com os livros Time dos Sonhos

Liquidação Total dos livros em 60 dias de aniversário!

Como prometi, este blog comemorará o aniversário de 105 anos do nosso amado Santos Futebol Clube nos meses de março e abril. E nessa comemoração, para tornar a rica história santista mais acessível a todos, reduzi ainda mais os preços dos livros oferecidos na livraria do blog e ainda mantive o frete grátis e a dedicatória, claro.

Confira os novos preços e entre na livraria para comprar para você ou para os amigos santistas, ou quase. Divulgar a história é uma forma de manter o carisma, a cultura e a visibilidade do Santos.

Veja só como os livros ficaram baratos (e todos com frete grátis)

Dossiê Unificação dos títulos brasileiros
Por 39 reais um exemplar, ou 69 reais dois exemplares

Time dos Sonhos
Por 39 reais um exemplar, ou 69 reais dois exemplares

Sonhos mais que possíveis
Por 14 reais o exemplar

Dinheiro, é possível ser feliz sem ele
Por 23 reais um exemplar, ou 35 reais dois exemplares

OS PREÇOS FINAIS SÃO ESSES AÍ, NENHUM CENTAVO A MAIS. O FRETE É POR CONTA DO BLOG. APROVEITA QUE NUNCA ESTEVE TÃO BARATO.

A PROMOÇÃO VAI ATÉ 30 DE ABRIL OU ATÉ ACABAR O ESTOQUE

—— Para entrar na livraria, tecle aqui ——
ou entre na sala Comprar Livros, anunciada no alto desta página.

Qual desses livros você gostaria de ter?


Older posts

© 2017 Blog do Odir Cunha

Theme by Anders NorenUp ↑