Blog do Odir Cunha

O ombudsman do Santos FC

Tag: Flamengo (page 1 of 30)

Uma noite de desafios

Depois de perder para o Sport, na Vila, o Santos terá forças para obter ao menos o empate contra o Flamengo, a partir das 21h45 de hoje, no Ninho do Urubu, pelas quartas de final da Copa do Brasil? Bem, o favoritismo é do time carioca, mas o Santos terá suas alternativas.

Mesmo ainda sem estrear de verdade, Levir Culpi é técnico mais experiente do que Zé Ricardo e certamente armará e orientará o time de forma a fazer um jogo equilibrado e obter, ao menos, um empate. Ele sabe que o ataque do time carioca é bom, mas sua defesa é ruim e o goleiro não é confiável. Nesta noite Levir viverá o seu primeiro grande desafio no Santos. Não apenas ele, mas alguns jogadores que, pelas circunstâncias, estão se tornando titulares.

Mesmo sem Thiago Maia, Ricardo Oliveira e Zeca, o Santos ainda tem jogadores que, em uma noite inspirada, poderão contribuir para um bom resultado. Tenho esperanças no trio atacante formado por Bruno Henrique, Kayke e Copete, não pelo esmero técnico, mas pela força física, garra e velocidade.

Com exceção de Lucas Lima, pelo Santos, e Diego, pelo Flamengo, não haverá nenhum craque em campo, mas muitos jogadores estarão dispostos a, com muita vontade, suprir suas carências técnicas. Por isso, espero um jogo corrido, com mais oportunidades aos rubro-negros, mas com boas possibilidades aos santistas nos contra-ataques.

O Santos deverá jogar com Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo e Jean Mota; Renato, Leandro Donizete e Lucas Lima; Bruno Henrique, Kayke e Copete. Creio que Vitor Bueno é nome certo para entrar no transcorrer da partida.

O Flamengo, que ainda não poderá contar com os contratados Geuvânio, Everton Ribeiro e Rhodolfo, provavelmente será escalado com Thiago, Rodinei, Réver, Juan e Trauco; Cuéllar e Márcio Araújo; Berrio, Diego e Everton; Guerrero.

A arbitragem, detalhe que sempre causa calafrios nos times que visitam o Flamengo, será toda mineira: Ricardo Marques Ribeiro será auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Fabrício Vilarinho da Silva. Esperamos que seja neutra, mas sabemos que, na dúvida, as marcações tenderão a favorecer o time da casa.

Por falar em casa, o jogo será no acanhado Ninho do Urubu, nome dado ao estádio da Portuguesa Carioca, na Ilha do Governador, que, devido aos problemas com o Maracanã, foi arrendado pelo Flamengo por três anos. Assim como a Vila Belmiro, no papel o estádio comporta 20 mil pessoas, mas na prática só cabe 16 mil e ainda não chegou a reunir mais de 14 mil pagantes.

A Teoria Tostines e o Yin e o Yang do Futebol

Sempre me pergunto se a imprensa fala mais de certos times porque eles têm mais torcida, ou se eles têm mais torcida porque a imprensa fala mais deles. Isso só seria respondido por uma pesquisa séria, que remontasse aos primórdios do futebol brasileiro, quando imperava a meritocracia e equipes como o América Carioca e a Portuguesa de Desportos às vezes tinham mais espaço nos jornais do que os hoje queridinhos da mídia. Preparo uma tese de mestrado sobre isso.

Sempre que o Santos enfrenta Flamengo ou Corinthians reflito sobre a importância desse contraste: entre o time que representa o máximo de técnica, beleza, eficiência e prestígio que o futebol brasileiro já alcançou, e os que, joguem como jogarem, são guindados ao estrelato pelo simples fato de terem mais torcedores. Creio que aí tenhamos o confronto entre o yin e o yang do futebol.

E note o leitor e a leitora que a imprensa pode não saber, ou fingir não saber, por ignorância ou conveniência, mas o torcedor sabe e sente a importância de um confronto assim. Tanto, que o recorde oficial de público de um jogo entre clubes no Brasil é o da final do Campeonato Brasileiro de 1983, no Maracanã, entre Glamengo e Santos, que recebeu 155.523 pessoas. Sem contar muitos outros duelos, como o do Torneio Rio-São Paulo de 1961, cujas imagens reproduzo no início deste post, que atraiu 90.218 pessoas ao mesmo Maracanã e terminou com a goleada santista por 7 a 1.

Quanto ao Corinthians, dizem que seus maiores rivais são os outros dois grandes da Capital, mas o clássico paulista que mais vezes ultrapassou a marca de 100 mil pessoas é o que reúne o alvinegro da capital e o Santos, em confrontos disputados na era pós-Pelé. Portanto…

Um olhar de amor ao futebol

O ibopismo, a ânsia por pontos de audiência em rádios e tevês e por uma maior frequência em sites e blogs tem nivelado o jornalismo esportivo por baixo. Nesse novo panorama, a polêmica, mesmo fútil, ganhou o espaço que antes era ocupado pela informação precisa e o texto elegante, ou que ao menos buscava ser elegante. Ao pensar em fazer alguma coisa para alterar essa triste tendência, criei o Curso de Especialização em Jornalismo Esportivo que ministrarei a partir da próxima terça-feira, 4 de julho, na sede da Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo.

Se você é estudante de jornalismo, já ingressou na profissão, ou está pensando em trabalhar na área, aconselho-o a se inscrever neste curso. Nele ensinarei o que de mais importante aprendi em 40 anos de profissão. Darei dicas preciosas, que o acompanharão para sempre. Caso tenha se interesse, leia as informações, abaixo, ou envie e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br .

O valor da história

Acredito que a história, que os livros não permitem ser esquecida, modifica o presente. Com todo o respeito a tudo que aprendi com pai e mãe, costumo dizer que os livros me educaram, formaram minha concepção da vida e do mundo. E agora posso escrevê-los para eternizar fatos, pessoas e o nosso Santos, claro.

Valorizar a história não quer dizer desvalorizar o marketing, o planejamento, a boa gestão e tudo o que é necessário para tornar o nosso Santos moderno, próspero e autossustentável. Por isso escrevo livros sobre a história única do Glorioso Alvinegro Praiano e peço que vocês os comprem e os divulguem. Sem poder contar com a meritocracia que deveria imperar na imprensa esportiva, nosso Santos depende demais dessas obras que eternizam seus feitos.

Santos FC, o maior espetáculo da Terra

Este livro de arte nenhum time tem e nunca terá. Chegou o livro que traz as maravilhosas viagens do Santos pelo mundo. Um livro único, que vale por um título mundial.

Este livro de arte nenhum time tem e nunca terá. Chegou a esperada obra que conta as maravilhosas viagens do Santos pelo mundo. Um livro único, que vale por um título mundial e está sendo oferecido por um preço super acessível e ainda dá ao comprador a honra de ter o seu nome impresso em suas páginas. Não perca essa oportunidade de ter o seu nome em um dos livros mais importantes da literatura futebolística mundial!

Prossegue a campanha de financiamento coletivo para o lançamento do livro “Santos FC, o maior espetáculo da Terra”, uma obra única, que nos encherá de orgulho e consolidará o Santos em outro nível na história do futebol mundial. Os autores são Marcelo Fernandes e eu. Prestigie. Garanto que não vai se arrepender. Há muitas recompensas para quem adquirir o livro nesta fase de pré-lançamento.

Clique aqui para entrar no time que vai lançar o livro das viagens maravilhosas do Santos pelo mundo. Ele está pronto e precisa ser impresso. Vamos transformar este sonho de todo santista em realidade. Participe e não se arrependerá!

Ninguém vende Time dos Sonhos e Dossiê mais baratos

time-dossie ok

Compare os menores preços do mercado e compre o Dossiê e o Time dos Sonhos

Time dos Sonhos
Livraria 2005, RJ, livro usado: R$ 52,89
Sebo do Monge, SP, livro usado: R$ 57,70
Livraria do Blog do Odir, livro novo, com dedicatória exclusiva e três PDFs de brinde: R$ 39,00

Dossiê Unificação dos Títulos Brasileiros
Livraria Capítulo Primeiro, livro usado, Santos: R$ 67,89
Travessa da Praia, livro usado, Santos, R$ 87,89
Livraria do Blog do Odir, livro novo, com dedicatória exclusiva: R$ 39,00

Faça a conta: Na compra de dois exemplares você só paga R$ 31 reais por exemplar.

Clique aqui para comprar os livros Time dos Sonhos e Dossiê Unificação dos Títulos Brasileiros pelo menor preço do mercado.

Curso de Especialização em Jornalismo Esportivo
Inscrições abertas
Para jornalistas, estudantes e interessados.

Aproveite o mês de julho para aprender sobre essa profissão tão fascinante

Novo Jornalismo Esportivo – Técnica e Ética
Curso de Especialização

Ministrado por Odir Cunha, jornalista profissional há 40 anos – Jornal da Tarde, O Globo, rádios Globo, Excelsior e Record, TV Record, editor de nove revistas esportivas, diretor de comunicação da Secretaria Municipal de Esportes de São Paulo, diretor da Ampla Comunicação, editor das editoras de livros Novo Conceito e Magma Cultural, dono do Blog do Odir, autor de 27 livros, curador do Museu Pelé, coautor do Dossiê que unificou os títulos brasileiros, biógrafo de Oscar Schmidt, Pelé e Gustavo Kuerten, ganhador de dois Prêmios Esso e três prêmios da Associação Paulista dos Críticos de Arte.

Temas do Curso

Pirâmide Invertida X Novo Jornalismo
As maneiras tradicional e criativa de se escrever uma reportagem.

As regras para uma boa entrevista
Conhecimento – Respeito – Planejamento – Dicas

Os limites da polêmica
Os cuidados com os crimes de opinião: Difamação, Injúria e Calúnia

Princípios do bom texto
Clareza
Escolha das palavras
Uma ideia por parágrafo
Precisão. Sem ela não há credibilidade.
Isenção. A necessidade de ser neutro.
Empatia. O melhor repórter se apaixona pela matéria.
Criatividade. Os caminhos que levam a ela.
Reler é obrigatório
Humildade e Respeito. Qualidades essenciais.
Ousadia e Iniciativa. Quando elas são obrigatórias.

Como escrever para
Jornal diário
Revista
Rádio
Televisão
Blogs e Sites

Funções Jornalísticas
Repórter
Copidesque
Chefe de Reportagem
Editor
Editor Chefe

Fechamento de matérias
Títulos
Subtítulos
Olhos
Intertítulos
Legendas

Lições de casa durante o curso
Matérias sobre eventos escolhidos

Trabalho Final

Certificado de Conclusão

Novo Jornalismo Esportivo – Técnica e Ética
Curso de Especialização

Carga horária: 16 horas
Datas e horários: dias 4, 6, 11, 13, 18, 20, 25 e 17 de julho, das 19h30 às 21h30.
Local: Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo (Aceesp).
Endereço: Av. Paulista, 807, 9º andar, conjunto 904, São Paulo. Fones: (11) 3251-2420 e 3289-8409.
Investimento: R$ 300, 00 (trezentos reais – 50% na matricula, 50% até o dia 15 de julho.
Sócios da Aceesp em dia com a anuidade não pagam.
Informações e inscrição: blogdoodir@blogdoodir.com.br

Coloque seu filho para jogar tênis e o eduque melhor para a vida
clinica de tenis do castelo - 2017

E para você, quais serão os grandes desafios do Santos diante do Flamengo?


O milagre só ficou maior

O único time que pode tirar o título do Palmeiras é o Santos. E por mais que seja improvável, não é impossível. Em ascensão, a Chapecoense atropelou o São Paulo (2 a 0) e tem grandes chances de terminar o Brasileiro no G6, classificando-se para a Libertadores. Virá à arena para vencer o Palmeiras, e pode conseguir o resultado naturalmente. Na última rodada , o Vitória, que goleou o Figueirense por 4 a 0, também precisará vencer o Palmeiras para continuar na Série A, outro resultado totalmente plausível.

Por mais que sofrer o gol de empate em cima da hora seja ruim, o Santos não foi tão mal no empate de 2 a 2 com o Cruzeiro, e com alguns ajustes e mais determinação e personalidade, poderá vencer o Flamengo, no próximo domingo, no Maracanã. O time carioca tem um bom ataque, mas sua defesa deixa muito a desejar, como mostrou no empate de 2 a 2 com o Coritiba. Passando pelo rubro-negro, na última rodada o Santos tem tudo para vencer bem o América Mineiro, na Vila.

Com o empate do Atlético Mineiro com o Santa Cruz, por 3 a 3, o Santos já tem um lugar garantido entre os três mais bem classificados do campeonato, o que significa uma vaga na fase de grupos da Libertadores, e um empate com o Flamengo praticamente o deixará na segunda posição este ano, o que não conseguia desde 2007. De qualquer forma, recuso-me a aceitar menos do que a luta pelo título até o último segundo.

Enquanto o Santos virou o jogo contra o Cruzeiro, porém, mesmo com um jogador a mais, tomou um gol de bola parada, em cima da hora, com o adversário em claro impedimento, o Palmeiras ganhou mais uma partida apertada, por apenas 1 a 0, diante de um Botafogo que também teve as suas chances, assim como havia ocorrido contra o Sport e o Internacional. Só que a Chape está jogando melhor do que esses três citados e tem tudo para fazer um jogo igual contra o líder, mesmo na capital paulista.

Quanto ao Santos, fará seu jogo do ano contra o Flamengo, no Maracanã – na verdade, o grande jogo dessa fase final do Brasileiro, pelo nível dos rivais e por valer, no mínimo, a disputa pelo segundo lugar, que dará R$ 10,7 milhões ao campeão, R$ 3,4 milhões a mais do que ao terceiro colocado. Algo me diz que será um grande jogo.

Clássico do futebol brasileiro, uma partida motivadora dessas deve extrair o melhor de cada jogador santista. Acredito que os destaques do time brilharão. Gostei muito de Ricardo Oliveira, autor dos dois gols, diante do Cruzeiro. Pena que Lucas Lima, o outro jogador diferenciado da equipe, não tenha mostrado tudo o que sabe. Copete e Zeca dessa vez não foram tão bem, mas Thiago Maia e Renato tiveram um bom rendimento.

É claro que é impossível, nessa hora, não lembrar de pontos bobos jogados fora contra o lanterninha América Mineiro (3 pontos), o rebaixado Figueirense, na Vila Belmiro (3 pontos), os reservas do Grêmio, na Vila Belmiro (2 pontos) e ao menos um empate naquele jogo em que o Santos foi garfado contra o Internacional (1 ponto), o que permitiria ao Glorioso Alvinegro Praiano até perder para o Flamengo e depois comemorar o título com uma vitória sobre o América de Minas, na última rodada.

De qualquer forma, como já escrevi antes, acredito que os deuses do futebol escrevem certo por linhas tortas e dessa vez querem forjar um campeão brasileiro mais espetacular do que nunca. Sim, o esforçado Palmeiras pode perder os dois jogos que lhe faltam, o Santos pode vencer os seus dois e poderemos ter o campeão mais fantástico de todos os tempos. Seria justo. Acreditemos.

Até agora Chapecoense e Palmeiras se enfrentaram cinco vezes, com duas vitórias para cada lado e um empate. A maior goleada foi essa que posto abaixo. Nem precisa ser tudo isso domingo...


dossie - imprensa

Um dos dois será Eneacampeão Brasileiro!

E com justiça. Boa parte de seus títulos foram conquistados na Era de Ouro do futebol brasileiro, entre 1958 e 1970, quando, em 12 anos, o Brasil foi três vezes campeão mundial.

O trabalho que impediu o “esquecimento” dos campeões nacionais de 1959 a 1970, de José Carlos Peres e meu, virou um livro histórico. Trata-se do Dossiê e está à venda na livraria deste blog. Basta clicar em Comprar Livros, no alto, à direita, na página inicial deste blog.

E para facilitar o Natal de santistas, palmeirenses, botafoguenses e de todos os interessados no “Dossiê Unificação dos Títulos Brasileiros a Partir de 1959”, faço uma promoção de Papai Noel: a compra de um exemplar do Dossiê, por apenas 38 reais, dá direito a mais um, sem nenhuma despesa extra. Compre um que eu envio dois para você.

Os exemplares devem ser encaminhados ao mesmo endereço, ou será impossível segurar o preço do correio. Veja que legal. Você terá o seu exemplar e com o outro poderá presentear um amigo santista, palmeirense, cruzeirense, botafoguense ou torcedor do Bahia ou do Cruzeiro. Que presentão de Natal, hein.

É só clicar em Comprar Livros, adquirir um Dossiê, e o resto fica comigo. E logo que comprar, envie e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br e diga para quem quer as dedicatórias.

Se preferir, clique aqui para garantir o seu Dossiê e o presente de Natal do seu amigo santista ou palmeirense

Leia “O barqueiro de Paraty”, uma história de virtude e amizade que pode mudar sua vida!

Na livraria deste blog a versão em papel de “O barqueiro de Paraty” está esgotada. Mas é possível adquiri-lo em Ebook, na Amazon, por apenas R$ 15, 64. Essa história, um tanto autobiográfica, é um ótimo presente para quem quer aprender mais sobre a essência da vida simples. No link abaixo é possível ler o primeiro capítulo. Experimente…

Clique aqui para entrar na Amazon, ler uma parte do livro “O barqueiro de Paraty” e, se gostar, adquiri-lo por apenas R$ 15,64.

A promoção do livro Time dos Sonhos continua
Pelé dormindo com os livros Time dos Sonhos

Com apenas 68 reais você adquire um exemplar do livro Time dos Sonhos, a Bíblia do Santista, mas recebe dois, sem despesas de correio, tem direito a dedicatórias em cada um deles (basta enviar e-mail para blogdoodir@blogdoodir.com.br e dizer para quem quer as dedicatórias) e ainda recebe, por e-mail, as versões eletrônicas dos livros Donos da Terra, Ser Santista e Pedrinho escolheu um time.

Já tem o livro? Então compre para os amigos. Um livro com preciosas 535 páginas sobre a rica história do Santos é um presente para toda a vida, você sabe.

Clique aqui para comprar um exemplar do livro Time dos Sonhos e ganhar mais um, com dedicatórias exclusivas e mais as versões eletrônicas de Donos da Terra, Ser Santista e Pedrinho escolheu um time.Tudo por 68 reais, e ainda dá para parcelar!


Para ser campeão do turno

Promoção Time dos Sonhos prossegue só até o Dia dos Pais!


Dê um presente que o velho jamais esquecerá!

Atendendo a insistentes pedidos, a promoção do livro Time dos Sonhos volta até o Dia dos Pais. Portanto a partir de agora até 14 de agosto, compre 1 e ganhe 2 exemplares do Time dos Sonhos, mais a versão eletrônica do Donos da Terra, com direito a pedir dedicatórias para os dois livros e sem despesa de correio. Tudo isso por apenas 68 reais. Clique aqui e compre apenas um exemplar de Time dos Sonhos. O outro eu mando de graça para você. Acho que seu pai vai gostar.
Pelé dormindo com os livros Time dos Sonhos

Aí do lado há uma enquete que pergunta: em quem você votaria hoje para presidente do Santos? O blog pinçou os nomes de outras enquetes de blogs de santistas. Fique à vontade para escolher quem lhe passa mais credibilidade.

PARA SER CAMPEÃO DO TURNO

Com as prováveis voltas de Lucas Lima e Ricardo Oliveira, o Santos aumenta suas chances de vencer o América Mineiro, neste domingo, às 11 horas, no Estádio Independência, e terminar o primeiro turno do Campeonato Brasileiro em primeiro lugar, prosseguindo em busca de um título que não vem desde 2004.

O jogo pode ser chamado de o duelo dos opostos, pois enquanto o Santos é o líder da competição, o América é o último colocado, mas tudo indica que o confronto será muito disputado. O América tem tentado se recuperar desde que contratou o técnico Enderson Moreira e vem de dois empates: 0 a 0 com o Grêmio, no Independência, e 1 a 1 com o Sport, em Recife, quando vencia até o final e sofreu o empate em cima da hora, e de um jogador em posição de impedimento.

Mesmo desfalcado do trio olímpico, o Santos tem melhor elenco e, caso se entregue à luta com vontade, terá boas chances de vencer o América, cujo jogador mais conhecido é o veterano volante Leandro Guerreiro, ex-Botafogo, com 37 anos.

Com apenas duas vitórias, quatro empates e 12 derrotas, das quais cinco em casa, o América chegou a passar seis jogos consecutivos sem marcar gols. Marcou apenas 11 gols em 18 jogos e sofreu 30. Jogou nove vezes no Independência, com duas vitórias (1 a 0 no Figueirense e 2 a 1 no Coritiba), dois empates e cinco derrotas, das quais a pior foi contra o Santa Cruz, de quem perdeu por 3 a 0.

Cinco outros times podem vencer o turno

Em uma situação inédita desde que o campeonato brasileiro de pontos corridos foi instituído, em 2003, outros cinco times, além do Santos, podem terminar o primeiro turno na primeira colocação. São eles:

2 – Palmeiras, tem apenas dois gols a menos de saldo do que o Santos. Enfrenta o Vitória, domingo, às 16 horas, no Allianz Parque.

3 – Corinthians, mesma situação, com três gols de saldo a menos do que o Santos, enfrenta o Cruzeiro, segunda-feira, às 21 horas, no Pacaembu.

4 – Grêmio, 32 pontos, joga contra o Botafogo, no Estádio Luso-Brasileiro, no Rio, domingo, às 19h30.

5 – Atlético Mineiro, 32 pontos, enfrenta a Chapecoense, segunda-feira, às 20 horas, no Estádio Independência.

6 – Flamengo, 31 pontos, joga com o Atlético Paranaense, sábado, às 18h30m, no estádio Kleber Andrade.

E se for levar em conta também as chances matemáticas, diria que até o Atlético Paranaense, com 30 pontos, poderia terminar o primeiro turno na liderança, mas para isso teria de dar uma goleada estrondosa no Flamengo, fora de casa, e ainda depender de outros resultados.

Enfim, o nivelamento por baixo transformou esse Campeonato Brasileiro em um dos mais disputados da história. Porém, o Santos só depende dele para se manter na ponta. Torçamos.

E você, acredita que o Santos vencerá o América Mineiro?


Mistão do Santos é líder!

Promoção Time dos Sonhos voltou até o Dia dos Pais!

Atendendo a insistentes pedidos, a promoção do livro Time dos Sonhos volta até o Dia dos Pais. Portanto a partir de agora até 14 de agosto, compre 1 e ganhe 2 exemplares do Time dos Sonhos, mais a versão eletrônica do Donos da Terra, com direito a pedir dedicatórias para os dois livros e sem despesa de correio. Tudo isso por apenas 68 reais. Clique aqui e compre apenas um exemplar de Time dos Sonhos. O outro eu mando de graça para você. Acho que seu pai vai gostar.
Pelé dormindo com os livros Time dos Sonhos

Aí do lado há uma enquete que pergunta: em quem você votaria hoje para presidente do Santos? O blog pinçou os nomes de outras enquetes de blogs de santistas. Fique à vontade para escolher quem lhe passa mais credibilidade.


Mistão do Santos é líder!

Apesar de jogar sem cinco titulares (Lucas Lima, Ricardo Oliveira, Gabriel, Zeca e Thiago Maia); apesar de jogar fora, com torcida contra, um jogo com o seu mando de campo, devido a um acordo mal explicado dessa gestão com um empresário; apesar de jogar com 10 jogadores e meio, pois Léo Cittadini não marca ninguém; apesar de Dorival Junior ter colocado o semi aposentado Elano para jogar, o que chamou o Flamengo para o campo do Santos; apesar de o mesmo Dorival Junior colocar Yuri a apenas meio minuto para terminar a partida; apesar da síndrome de permitir sempre uma chance clara ao adversário no finzinho do jogo, o Santos empatou em 0 a 0 com o Flamengo, na Arena Pantanal e passou a ser o líder do Campeonato Brasileiro. O que isso prova?

Que, como dissemos aqui, este Brasileiro será vencido pelo time menos medíocre. Portanto, dá para ser campeão com um elenco limitado. Basta lutar, como o time fez hoje. Parabéns aos heróis Vanderlei, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju. A eles o Santos deve esse pontinho, que muito provavelmente seriam três se o time jogasse na Vila ou no Pacaembu.

A série de vitórias consecutivas foi interrompida por uma pataquada do próprio clube, porém, continuo sugerindo que o Santos prossiga com a meta de vencer mais quatro jogos consecutivos. Isso é plenamente possível, pois o time jogará, pela ordem, com o América Mineiro, domingo, às 11 horas, em Belo Horizonte; com o Atlético Mineiro, domingo, dia 15, na Vila Belmiro; contra o Coritiba, segunda-feira, dia 22, em Curitiba, e contra o Figueirense, domingo, dia 28, na Vila Belmiro. Vamos lá. É mais do que possível. É só a diretoria e o técnico Dorival Junior não inventarem.

Querem vender? Vendam espaço na camisa para o patrocinador máster; vendam títulos de sócios; vendam mais ingressos para os jogos do Santos; MAS NÃO VENDAM O MANDO DE CAMPO!

Além dos já citados, destaques para Vitor Bueno, Copete, Victor Ferraz, Renato e Rodrigão. Jean Mota também lutou.

Quer ouvir um comentário imparcial sobre o jogo? Por incrível que pareça, não procure na grande mídia, mas ouça o que diz o flamenguista Gustavo Roman:

Livro Olímpico na Promoção de Agosto!

Sonhos mais que possiveis - capa

Neste mês de agosto todos que adquirirem um livro na Livraria do Blog do Odir receberão um exemplar de Sonhos mais que possíveis, com direito a dedicatória e sem nenhum custo adicional. Isso vale para a compra de Time dos Sonhos, Dossiê da Unificação dos títulos brasileiros, Segundo Tempo, de Ídolo a Mito, Almanaque do Santos e o próprio Sonhos mais que possíveis. Ou seja, quem comprar um exemplar de Sonhos mais que possíveis, receberá dois.

Em agosto todos os compradores também receberão, de brinde, uma versão eletrônica (PDF) do livro Donos da Terra, além do PDF do livro Pedrinho escolheu um time. Qualquer compra dará direito, neste mês, aos dois PDFs, que serão enviados por e-mail.

O único empecilho desta promoção é que não tenho muitos exemplares disponíveis de Sonhos mais que possíveis. Como se trata de um livro esgotado, sugiro que não espere muito para fazer sua compra.

Com o preço do correio incluído, você pagará R$ 22,10 e receberá dois exemplares de Sonhos mais que possíveis, com dedicatória(s) e os PDFs de Donos da Terra e Pedrinho escolheu um time.

Clique aqui para ouvir a entrevista que dei hoje sobre Olimpíada para a Rádio Trans Mundial.

Clique aqui para comprar o livro Sonhos mais que possíveis.

E você, acha que o Santos se manterá líder?


Alô santista de Cuiabá!

Algo me diz que esta será a noite do Rodrigão!

Jogo pegado, duro, bolas espirradas na área e lá estará o centroavante peito de aço, Rodrigão, para marcar. Veja essa cena como uma das mais prováveis no jogo desta noite, às 21h45, na Arena Pantanal, em Cuiabá. Uma vitória e o Santos poderá assumir a liderança do Campeonato Brasileiro. É preciso ter garra. Nós ficaremos de olho na arbitragem, que nessas situações tende a favorecer o time carioca.

No Santos, Ricardo Oliveira, com dores no joelho, sairá para a entrada de Rodrigão, e Léo Cittadini voltará ao meio de campo, saindo Yuri. O time jogará com Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Renato, Léo Cittadini e Jean Mota; Vitor Bueno, Copete e Rodrigão. Técnico: Dorival Júnior.

O Flamengo deverá entrar em campo com Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Chiquinho; Márcio Araújo, Willian Arão, Alan Patrick e Mancuello; Everton e Guerrero. Técnico: Zé Ricardo.

E você, como acha que será o jogo de hoje?

Livro Olímpico na Promoção de Agosto!

Sonhos mais que possiveis - capa

Como prometi, hoje o Blog do Odir lança sua campanha de livros para este mês de agosto. E como se trata de um mês olímpico, nada mais apropriado do que incluir na promoção o inspirador Sonhos mais que possíveis, que escrevi para a Editora Planeta antes da Olimpíada de Londres, em 2012.

É livro pequeno, de bolso, mas tem 160 páginas e 60 histórias de superação de atletas olímpicos que selecionei com carinho após pesquisar na literatura brasileira e internacional. Quem gosta de esporte e quem precisa de uma injeção de ânimo, tenho certeza de que vai gostar.

Encontrei duas opiniões sobre o livro na Internet. Se quiser conferir, seguem os links:

Clique aqui para ler uma opinião sobre o livro Sonhos mais que possíveis.

Clique aqui para ler mais uma opinião sobre o livro Sonhos mais que possíveis.

Neste mês de agosto todos que adquirirem um livro na Livraria do Blog receberão um exemplar de Sonhos mais que possíveis, com direito a dedicatória e sem nenhum custo adicional. Isso vale para a compra de Time dos Sonhos, Dossiê da Unificação dos títulos brasileiros, Segundo Tempo, de Ídolo a Mito, Almanaque do Santos e o próprio Sonhos mais que possíveis. Ou seja, quem comprar um exemplar de Sonhos mais que possíveis, receberá dois.

Em agosto todos os compradores também receberão, de brinde, uma versão eletrônica (PDF) do livro Donos da Terra, além do PDF do livro Pedrinho escolheu um time. Qualquer compra dará direito, neste mês, aos dois PDFs, que serão enviados por e-mail.

O único empecilho desta promoção é que não tenho muitos exemplares disponíveis de Sonhos mais que possíveis. Como se trata de um livro esgotado, sugiro que não espere muito para fazer sua compra.

Com o preço do correio incluído, você pagará R$ 22,10 e receberá dois exemplares de Sonhos mais que possíveis, com dedicatória(s) e os PDFs de Donos da Terra e Pedrinho escolheu um time.

Clique aqui para comprar o livro Sonhos mais que possíveis.

ALÔ SANTISTA DE CUIABÁ!

Meu amigo e minha amiga, vejam como são as coisas: o Santos embalado para assumir a liderança do Campeonato Brasileiro e surge essa mal contada inversão de mando. E justo contra o Flamengo, o time que muito jornalista bajula para ter mais ibope, para sair do anonimato. Mas há uma esperança: que o Santos jogue confiante, sem medo, a arbitragem seja boa e neutra e nas arquibancadas da Arena Pantanal a voz do santista se faça ouvir.

Pesquisei pelo Google Analytics e descobri que este blog tem 185 leitores em Cuiabá. Procurei no Facebook e também encontrei a página Torcida Santista Cuiabá. É importante que essa comunidade se mobilize.
Clique aqui para ver a página da torcida santista de Cuiabá no Facebook

Para quem não sabe, Cuiabá, a pujante capital de Mato Grosso, tem 580 mil habitantes. E num raio de 100 quilômetros dela há mais oito cidades: Várzea Grande, Santo Antônio do Leverger, Chapada dos Guimarães, Barão de Melgaço, Lucas, Rosário Oeste, Poconés e Nobres.

Há santistas em Cuiabá e em todas essas cidades vizinhas. É a chance de darem o ar de sua graça. Não são em maior número do que os rubro-negros, mas certamente saberão se mobilizar nesse momento crucial para o Glorioso Alvinegro Praiano. Lanço um apelo a esses santistas do coração do Brasil para que façam valer sua voz contra o time da mídia.

O estádio comporta 41 mil pessoas. Não me surpreenderei se ao menos um quarto dele pertencer aos bravos torcedores do Santos. Digo bravos porque fugir do lugar-comum, da mesmice, da adulação e da lisonja interesseira exige personalidade. E o santista é, acima de tudo, um torcedor de caráter.

Agora, não precisava ser assim, né? Nesta quarta não haverá jogo em São Paulo. E o Corinthians que, dizem, usará o Pacaembu nesses tempos olímpicos, jogará em Curitiba. Então, por que cargas d’água o presidente Modesto Roma e a diretoria de futebol não conseguiu mudar o jogo para São Paulo? O empresário não quer dinheiro? Pois no Allianz Parque e no Pacaembu ele faturaria no mínimo o mesmo valor que arrecadará no Mato Grosso, com a diferença de que o mando não seria invertido.

Bem, todos sabemos que evitar a todo custo jogar na capital paulista está sendo, entre outros, o maior pecado dessa gestão. Se um outro resultado, que não a vitória do Santos, ocorrer na quarta-feira, e se lá no final do campeonato o Alvinegro Praiano não for campeão pelos pontos perdidos em Cuiabá, gostaria de saber como ficarão os bairristas que incentivam o presidente Modesto Roma a afastar o clube de São Paulo.

Mas essa é uma outra história. O momento é de união de todos os santistas em torno desse jogo decisivo, o jogo do campeonato até aqui. O melhor time do Brasil contra o time que tem mais torcedores e o preferido da imprensa. Será gostoso de ver.

E você, acha que o santista do Mato Grosso vai fazer ouvir sua voz?


Older posts

© 2017 Blog do Odir Cunha

Theme by Anders NorenUp ↑